08 novembro 2007

Requalificação do Rio Este (II)

Tem-se falado, com razão, que Braga precisa de mudar. A primeira coisa a ser feita tem que ser a requalificação do Rio Este. Este rio sempre foi maltratado: passa em partes menos nobres da cidade e por isso é premiado com diversos afluentes, não naturais, mas criados pelo homem. No dia a dia, chamamos-lhe esgotos. A situação vai ter obrigatoriamente que mudar. Com os recentes desenvolvimentos previstos nas suas margens, a saber, o Instituto Ibérico de Nanotecnologia e um Hotel de topo a ser construído pelo grupo Meliá, o rio TEM que ser requalificado, sob pena de passarmos aquela ideia tão característica de terceiro mundo (instalações de primeira linha para os doutores e condições sub-humanas para o povinho). Não acredito que o Hotel Meliá queira construir um hotel de luxo na zona circundante ao novo Instituto com uma vista para o Spa local. Muito menos que queira organizar actividades lúdicas do tipo caça o rato que nada no rio. Para que Braga possa mudar é preciso tratar bem do Rio Este - desfazer a anormalidade das paredes que o conduzem, ajardinar as margens, projectar uma ciclovia e desviar os esgotos. Sr Presidente, andar de galochas a apanhar verdete para as objectivas do jornal da Câmara não basta. É preciso investir!

3 comentários:

Francisco Rodrigues disse...

Post brilhante e muito oportuno.

NA disse...

Subscrevo...

Carlos Silva disse...

Parece-me importante este tema, e de realçar que as aguas no rio este ja nao tem côr, desde que iniciou a requalificação e em tão pouco tempo começamos a ter resultados.

Falta agora ver cumpridas as promessas para 2008, especialmente na area do ambiente...