12 outubro 2006

Portugal vai organizar Jogos da Lusofonia em 2009

No seguimento de um comentário do FR em relação ao abandono do Estádio 1º de Maio

Portugal vai organizar a segunda edição dos Jogos da Lusofonia, em 2009, anunciou hoje a assembleia-geral da Associação dos Comités Olímpicos de Língua Oficial Portuguesa (ACOLOP). A Índia e o Brasil candidataram-se à organização dos Jogos de 2013.

"Em termos de financiamento, podemos confirmar que estão já garantidos os apoios institucionais e financeiros do governo português para a organização dos Jogos da Lusofonia em 2009, através da Secretaria de Estado do Desporto", disse o Comité Olímpico de Portugal (COP).

Em declarações anteriores, o presidente do COP, Vicente Moura, estimou que a organização dos Jogos em Portugal deverá custar 11 milhões de euros.

Vicente Moura avançou ainda que o evento poderá decorrer em Lisboa e considerou que a candidatura portuguesa se insere num contexto de desenvolvimento desportivo que passa pela candidatura à organização dos Jogos Olímpicos em 2020.

A ACOLOP considerou ainda como "muito positivo" que o Brasil e a Índia se tenham candidatado à organização em 2013, podendo mesmo aparecer outras candidaturas.

Na agenda das próximas assembleias-gerais da associação estará ainda a eventual inclusão ou exclusão de modalidades desportivas, após um processo de avaliação do figurino dos primeiros Jogos da Lusofonia, mas sempre "procurando a abrangência e o equilibro entre os países da ACOLOP", disse um dos participantes na reunião.

A primeira edição dos Jogos inclui as modalidades de futsal, futebol, basquetebol, ténis de mesa, taekwondo, atletismo, voleibol de recinto coberto e voleibol de praia.

Os Jogos da Lusofonia são o maior evento alguma vez realizado entre os 11 países e regiões que falam português e contam nesta primeira edição com uma participação de 760 atletas oriundos de Macau, Portugal, Angola, Brasil, Cabo-Verde, Guiné-Bissau, São Tome e Príncipe, Moçambique, Timor-Leste, Índia (Goa) e Sri Lanka.

Entre 4 e 15 de Outubro, os Jogos da Lusofonia são a primeira grande manifestação desportiva da ACOLOP, criada em Lisboa em meados de 2004.


Porque não seguir com uma candidatura forte a estes jogos? Temos o estádio 1º De Maio que poderia aproveitar estes jogos para uma remodelação séria. TEmos o PEB que poderia ser renovado de modo a poder competir com os agora ubiquos multi-usos. Vão ser construídas piscinas Olímpicas. PORQUE NÃO A CANDIDATURA? Teríamos ainda uma vantagem a nível de favores devido à confusão na Capital da Cultura.

Agora, e com isto, é que o Mesquita pode compensar a incompetência da Capital da Cultura!

1 comentário:

FR disse...

Ideia Fabulosa. Deveria mesmo ser exposta à camara municipal de Braga.